A partilha de saberes escapou da terra.

Um momento do evento astronómico na quinta do Mitra

A quinta do Mitra é, entre as outras coisas, um espaço de partilha de experiências e saberes. Todos nós temos algo de interessante para dizer a um público pequeno ou grande, é só encontrarmos a forma mais adequada à nossa inclinação, e ultrapassarmos a timidez. Com esse intuito quis animar um fim de tarde falando de astronomia. A primeira parte da atividade teve lugar ao ar livre, e foi uma espécie de teatro cósmico: duas meninas interpretaram os papeis da terra e de Marte, os outros todos eram as estrelas, a casa de banho seca foi escolhida para o papel do Sagitário, o topo duma palmeira foi durante um bocado a nossa estrela polar. Foi uma maneira de falar dos motos da abóbada celeste e dos planetas. Depois a conversa continuou pela noite dentro, falou-se de gravidade e marés, de galáxias, da expansão do Universo, do big bang. A audiência foi muito recetiva, e interagiu com perguntas, questões, sugestões.

Categorias: 

Comentar

Plain text

  • Não são permitidas tags HTML.
  • Endereços de páginas web e endereços de email são transformados automaticamente em ligações.
  • As linhas e os parágrafos quebram automaticamente.
CAPTCHA
Para prevenir Spam, prova que és humano
1 + 5 =
Resolva este simples problema de matemática e introduza o resultado. Por exemplo para 1+3, digite 4.
By submitting this form, you accept the Mollom privacy policy.